TJ-SP: ganho de rede com 3Com

A 3Com venceu a licitação do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) para contratação de soluções voltadas à atualização da infraestrutura de rede e substituição de equipamentos.

Em seus cerca de 700 prédios distribuídos por mais de 300 localidades paulistas, o órgão adotou switches da linha 8800 e 7750, que suportam o fluxo de informações do data center, sala cofre e de diversos edifícios, além de equipar a borda com produtos das linhas 4500 e 5500.

Com as soluções, o TJ-SP já registra um aumento de 30% na qualidade e disponibilidade dos ativos instalados, além de relatar elevação do índice de SLA em relação aos usuários diretos.

“Buscamos o gerenciamento de rede e a agregação de inteligência na detecção e resolução de problemas, além de novas aplicações, como QoS e PoE em serviços ToIP, comunicações unificadas e aplicações criticas”, afirma Adriano Breviglieri, diretor de Infraestrutura de TIC do tribunal.

Segundo ele, a 3Com também integrou ao core de rede do órgão mais de 200 servidores de aplicações com serviços da base de dados, como Portal Intranet e Internet, Diário da Justiça Eletrônico e Processo Digital, entre outros. Antes, a tecnologia utilizada na instituição era a de switches layer 2.

“Os equipamentos da borda ainda estão sendo instalados, com grande facilidade em sua implantação, além da efetivação das configurações básicas”, ressalta Breviglieri.

Novos investimentos
O TJ-SP projeta, agora, investimentos em tecnologias como VoIP e videoconferência. Notebooks, placas de mobilidade e VPN também estão nos planos do órgão, assim como aplicações GPS.

Fonte: Baguete

Publicado por Marcus Vinícius

Consultor e Desenvolvedor WEB/VOIP, atua em projetos pela Innovus desde 2003, focado no desenvolvimento de soluções de telefonia IP utilizando o software Asterisk. Contribuidor ativo dos portais VoIPCenter, AsteriskOnline e AsteriskBrasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.