SMB: US$ 2,6 bi em conferência até 2012

A Seal Telecom, empresa especializada na implantação e distribuição de equipamentos de áudio, videoconferência, WiMAX e Telefonia IP, acaba de divulgar pesquisa inédita sobre o setor de telecomunicações.

Segundo estudos conduzidos pela empresa Access Market International Partners, o mercado global de pequenas e médias empresas (composto por corporações com até 999 funcionários) deve gastar até 2012 cerca de US$ 2,6 bilhões em soluções para conferência como (termo que inclui áudio, web e videoconferência), o que equivale a uma taxa anual composta de crescimento de 5,9%.

Os prognósticos da pesquisa dão conta de que apenas o segmento de webconferência apresentará até 2012 um crescimento anual de 10,2%, movimentando aproximadamente US$ 693 milhões. Já a indústria de videoconferência arrecadará ate lá algo em torno de US$ 164 milhões, crescendo a uma margem de 8.5% ao ano.

Os estudos ainda indicam que a necessidade de controlar gastos em razão do processo generalizado de desaceleração econômica atual está entre os principais motivadores que explicam o maior interesse por parte do mercado de pequenas e médias empresas em adotar alguma das formas de conferência via IP.

Para Paulo Henrique Costa, diretor comercial da Seal Telecom, corporações menores têm enxergado a conferência via IP como uma ótima alternativa para assegurar um bom índice de ROI e elevar a produtividade de seus empregados. “O custo total de propriedade de uma solução de videoconferência foi reduzido consideravelmente nos últimos anos, o que vem possibilitando sua aquisição pelas pequenas e médias empresas”, avalia.

Fonte: Baguete

Publicado por Marcus Vinícius

Consultor e Desenvolvedor WEB/VOIP, atua em projetos pela Innovus desde 2003, focado no desenvolvimento de soluções de telefonia IP utilizando o software Asterisk. Contribuidor ativo dos portais VoIPCenter, AsteriskOnline e AsteriskBrasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.