Segurança, Edifícios IP e ambientes industriais são alguns dos principais nichos para o Cabeamento por Zonas

De acordo com a Panduit, cada vez mais empresas estão adotando este tipo de cabeamento para contar com uma infra-estrutura flexível e segura.

São Paulo – Além de seu uso tradicional em escritórios abertos, o Cabeamento por Zonas está começando a ser visto pelo mercado como uma opção real para setores de importância estratégica como Segurança, Edifícios IP e Ambientes Industriais.

Ainda que o conceito de Cabeamento por Zonas já seja conhecido há algum tempo e esteja bem definido e especificado pelas normas TIA/EIA, ele vem se tornando cada vez mais popular, pois permite simplificar “movimentações”, acréscimos e mudanças (MACs) na área de trabalho. De acordo com Brett Swett, gerente de desenvolvimento de negócios da Panduit Corp., isto deve-se ao fato de que ele oferece diversos benefícios para a implementação de futuras tecnologias avançadas já que é mais gerenciável, acessível e flexível, o que tem impacto direto sobre os custos de material, mão de obra e manutenção.

De acordo com estimativas da companhia, conforme o número de empresas que empregam a tecnologia sem fio (wireless) continue aumentando, o Cabeamento por Zonas facilitará a integração da rede, já que através desta arquitetura de cabeamento podem-se acrescentar rapidamente pontos de acesso sem fio (WAPs) conectando-os a caixas locais que lhes dão localização lógica para oferecer a melhor cobertura.

Segundo o executivo, os benefícios não se limitam aos escritórios abertos, nem às implementações de Data Centers, redes sem fio ou infra-estrutura PoE (Power over Ethernet). “Se olhamos para o futuro, veremos outras tecnologias emergentes que irão estendendo o alcance do Cabeamento por Zonas. Por exemplo, à medida que o protocolo Ethernet se tornar mais comum nos ambientes industriais, o Cabeamento por Zonas será o método ideal para oferecer conexões de rede até o chão de fábrica”. Nestes ambientes, o Cabeamento por Zonas facilita a divisão estratégica das diversas funções e permite que o maquinário conectado seja facilmente reposicionamento, sem a necessidade de reconfiguração dos extensos segmentos de cabos que seguem para a sala de telecomunicações.

Por sua vez, os sistemas de automatização de edifícios (BAS) incluem segurança, calefação, ventilação e ar-condicionado, bem como sistemas de administração de energia. Com uma topologia de Cabeamento por Zonas, estes dispositivos podem ser conectados estrategicamente à zona, o que permite uma melhor manutenção e uma colocação mais lógica. Quando são acrescentados novos dispositivos a uma área, é necessário apenas um curto trecho de cabo para conexão à rede, o que economiza material e custos de instalação.

Como se trata de um conceito que está amadurecendo, mas com um grande potencial, a Panduit dedicou especial atenção ao incluir os fundamentos de projeto e especificações do cabeamento por zona em seus programas de Treinamento e Melhores Práticas, incentivando seus canais de distribuição e integração a realizarem atualizações periódicas.

Perfil da Panduit – Fundada em 1955 em Tinley Park, Illinois (EUA), a Panduit é uma empresa que vem conquistando destacada participação nos vários segmentos em que atua, empregando mais de 3.500 pessoas nos 36 países onde possui subsidiárias. No Brasil há onze anos, conta com estrutura local altamente capacitada a oferecer suporte técnico ou orientação a projetos que os clientes necessitem.

A Panduit é a líder mundial em soluções para a administração de cabeamento estruturado de voz, dados e vídeo, suportando cabos UTP, FTP e fibra óptica. A grande variedade de produtos permite a Panduit oferecer a mais completa solução para cabeamento, que inclui sistemas de identificação, de canaletas não metálicas e administração de cabos, bem como os produtos da nova geração de redes TX6 10GIG, para velocidades de 10 Gigabit.

Fonte: Portal Fator Brasil

Publicado por Marcus Vinícius

Consultor e Desenvolvedor WEB/VOIP, atua em projetos pela Innovus desde 2003, focado no desenvolvimento de soluções de telefonia IP utilizando o software Asterisk. Contribuidor ativo dos portais VoIPCenter, AsteriskOnline e AsteriskBrasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.